Apresentação

Enfermagem Psiquiátrica e Saúde Mental

DuraçãoModalidadePeríodoPreçosUnidade
12 mesesPresencialNoturnoClique aquiSão Roque

A Pós-Graduação Lato Sensu em Enfermagem Psiquiátrica e Saúde Mental busca contribuir para a qualificação dos enfermeiros em planejamento e desenvolvimento da atenção à saúde mental da população, capacitando-os para influenciar processos de transformação da realidade de seus locais de atuação.

Nas últimas décadas, os diagnósticos de transtornos mentais têm aumentado de forma alarmante em todo o mundo, caracterizados como problemas de saúde pública. Hoje, as medicações psicotrópicas encontram-se entre as drogas mais consumidas, em especial, nos países desenvolvidos. Esse dado reflete a importância do assunto e a necessidade da formação de profissionais com preparo especializado para atuar nos campos da Psiquiatria e da Saúde Mental.

O atendimento aos portadores de doenças mentais requer cuidados especiais e alicerçados em fundamentos científicos. Dessa forma, os profissionais que atuam nessa área necessitam de formação adequada, tendo a oportunidade de aprofundar conhecimentos e desenvolver habilidades técnicas.

Essas peculiaridades tornam o atendimento em Enfermagem Psiquiátrica e Saúde Mental extremamente específico, exigindo conhecimentos que vão além dos adquiridos na graduação. Logo, este curso tem como objetivo fornecer aos Pós-Graduandos a aquisição de novas informações e conhecimentos que permitam melhorar suas competências para o mercado profissional, atendendo, paralelamente, às demandas por profissionais com formação holística. Consequentemente, isso trará uma melhora na capacidade de análise das condições de Saúde Mental da população; capacitará o profissional para a aplicação de instrumentos de diagnóstico e intervenção para a construção de projetos de atenção integral à saúde e da reabilitação psicossocial.

Durante o Curso serão apresentados conteúdo específicos, como o estudo das psicopatologias; temas relacionados à assistência ao dependente químico; terapêuticas empregadas em transtornos mentais; reabilitação psicossocial do portador de transtorno psiquiátrico e intervenções no campo da promoção da saúde mental e prevenção de agravos psiquiátricos.

Temas mais abrangentes também são contemplados, como gerenciamento, desenvolvimento de pesquisas científicas, bioética e assistência humanizada.